coomeb - Cooperativa dos Médicos do Brasil

Para visualizar essa anima��o voc� precisa instalar o plugin Flash Player. Fa�a Download.

Notcias

25 de setembro de 2018

Cientistas eliminam população de mosquito vetor da malária com edição genética

G1

Cientistas disseram nesta segunda-feira (24) que conseguiram pela primeira vez eliminar uma população inteira de mosquitos portadores de malária no laboratório usando uma ferramenta de edição genética para programar sua extinção.

A chamada tecnologia de genética dirigida funciona garantindo que uma característica projetada seja passada para uma proporção maior de descendentes – através de muitas gerações – do que teria ocorrido naturalmente.

Em experimentos com a espécie Anopheles gambiae, cientistas do Imperial College London ajustaram um gene conhecido como doublesex (que ajuda a determinar o sexo de vários insetos) para que mais fêmeas em cada geração não pudessem mais picar ou se reproduzir.

Depois de apenas oito gerações, não houve mais fêmeas e a população entrou em colapso devido à falta de descendentes.

A malária adoeceu mais de 200 milhões de pessoas e matou quase 450 mil em todo o mundo em 2016. Continua sendo uma das mais mortais doenças infecciosas.

Tentativas anteriores dessa mesma equipe e de outras para induzir a extinção de mosquitos geneticamente programada no laboratório encontraram “resistência” na forma de mutações.

Para ler a matéria na íntegra, clique em: https://glo.bo/2N2kcO7